Activision Blizzard divulga resultados financeiros e revela grande expansão de Destiny 2 - Games + Gamers

Recentes

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Activision Blizzard divulga resultados financeiros e revela grande expansão de Destiny 2

A Activision Blizzard apresentou os seus resultados financeiros para o ano de 2017, no qual registrou um valor de receita que considera ser um recorde na sua história.

Segundo partilhado pela editora, as micro-transações e conteúdos adicionais disponíveis para os seus jogos tiveram um papel extremamente importante nestes resultados impressionantes.

Através das micro-transações e DLCs, a Activision Blizzard conseguiu cerca de 3.266 bilhões de euros em receitas, num total de 5.846 bilhões de euros. Superior aos 5.389 bilhões alcançados em 2016.

Isto significa que mais de metade das receitas obtidas pela Activision Blizzard vieram das micro-transações ou venda de conteúdos digitais dentro dos diversos jogos que apresenta.

Nos últimos três meses de 2017, a Activision Blizzard conseguiu arrecadar mais de 816 milhões de euros em micro-transações e DLCs.

Nestes mesmos resultados, a Activision Blizzard divulgou ainda que Call of Duty: WW2 foi o jogo de console que mais receitas gerou e apresentou uma subida nas receitas em relação ao ano anterior.
Call of Duty: WW2 apresentou as melhores vendas em uma estreia da série durante esta geração e permitiu à série Call of Duty tornar-se na série número um em todo o mundo em 8 dos últimos 9 anos.
Destiny 2 foi o segundo jogo que gerou mais receitas na América do Norte durante 2017, alcançando ainda o melhor lançamento para PC na história da Activision.

A Activision também revelou que Destiny 2 receberá mais uma "grande expansão" até o final deste ano.

Sem dar detalhes sobre que tipo de conteúdo jogadores poderão esperar para o terceiro DLC, a empresa ressaltou que ele deverá reaproximar a comunidade e trazer de volta jogadores descontentes com problemas do título.

"Este é um grupo incrivelmente apaixonado de jogadores e essa paixão é uma coisa boa, mesmo quando o sentimento é crítico, pois mostra quão profundamente as pessoas se preocupam com o jogo", afirmou Eric Hirshberg, CEO da Activision. "Estamos empenhados em ouvir e nos comunicar com a nossa comunidade com mais frequência e transparência do que nunca, fazer as mudanças corretas para melhorar a experiência e pensamos que estamos no caminho certo".

Ainda sem nome oficial, a segunda expansão de Destiny 2 vazou na PlayStation Store e na Microsoft Store nos últimos meses, indicando que levará a história de volta para Marte. A expectativa é que ela chegue entre março e junho.
Crash Bandicoot N.Sane Trilogy também foi alvo de elogios, sendo aclamado como a melhor coleção de remasters já lançada no PlayStation 4.

Segundo os dados divulgados pela Activision, os seus jogos registam mais de 385 milhões de utilizadores mensais, em todas as plataformas, um aumento em relação ao mesmo período no ano anterior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário